www.diariodorock.com.br: Entre Armas e Rosas \\ Axl considera reunião com Slash e Duff
"Satan laughs as you eternally rot!"

22 de dez de 2011

Entre Armas e Rosas \\ Axl considera reunião com Slash e Duff


O Vocalista do GUNS N' ROSES, Axl Rose, disse que pode vir a tocar com a formação original do Guns na cerimônia do Rock And Roll Hall of Fame.

O vocalista, que é o único membro da formação original ainda na banda, também disse que estava relutante em juntar a antiga formação devido à pessoas querendo juntar dinheiro às suas custas.

O cantor declarou ao LA Times: "Eu não tenho uma opinião formada sobre o que o Rock And Roll Hall of Fame realmente é, mas ao mesmo tempo, isso signfica muito para os fãs e eles estão felizes. Então eu não quero tirar isso deles."

Ele adicionou: "Todos esses empresários, todos eles querem apenas uma coisa: vender uma tour de reunião da banda e ganhar a sua comissão. É só uma ligação. É um trabalho de meio-período, ou qualquer seja o tempo em que eles quiserem que essa guerra de ofertas continue. Eles recebem a sua comissão e não ligam se tudo der errado."

Ele ainda disse que se a banda se reunisse, ele não chamaria o baterista original Steven Adler, que teria declarado recentemente ter dúvidas se a antiga formação realmente se reuniria, e o guitarrista base original Izzy Stradlin. Surpreendentemente, porém, ele disse que ele consideraria juntar forças com Slash apesar das diferenças entre eles e com o baixista Duff McKagan, que tocou recentemente com a banda em alguns shows.

"A única coisa que valeria seria a presença de Duff e Slash na verdade," explicou. "Não é nada contra Izzy e não é nada contra Steven, ou algo do tipo. Steven pode até querer isso, mas, os caras com quem eu estou trabalhando agora, eles realmente estão trabalhando muito duro e não é algo fácil. Eu já excursionei com os outros caras e eu acompanhei o que eles fizeram desde então, e eu sei a dificuldade de tudo isso. Então na verdade não seria uma reunião completa."

Ele também explicou que nunca se deu muito bem com Slash desde que a banda começou, devido a uma disputa de poder. "Na verdade era uma briga entre Slash e eu," adicionou. "Izzy também fazia algo parecido, mas a briga entre eu e Slash começou no dia em que o conheci. Ele entrou, tirou o meu disco , colocou o dele e me queria em sua banda. E eu não queria entrar na banda dele. Nós tivemos essa luta desde o primeiro dia."

0 comentários:

<< mais lidas

© Copyright - Diário do Rock - Headbangers Blog! - Todos os direitos reservados
anthony@diariodorock.com.br