www.diariodorock.com.br: Aerosmith no Brasil \\ Banda dá aula de rock & roll em show para 32 mil pessoas
"Satan laughs as you eternally rot!"

31 de out de 2011

Aerosmith no Brasil \\ Banda dá aula de rock & roll em show para 32 mil pessoas


A chuva não deu muita trégua. Mas isso não foi problema algum para os integrantes do Aerosmith e as cerca de 32 mil pessoas que estiveram presentes no show realizado na noite deste domingo (30), na Arena Anhembi, em São Paulo. Steven Tyler e banda, que estão percorrendo a América Latina com a turnê "Back On The Road Tour", mostraram para quem quisesse ver, e ouvir, que mesmo com 40 anos de estrada eles ainda têm pique para dar e vender.

Assim, com o público nas mãos, "Ride of the Valkyries" --do compositor alemão Wagner-- abriu às 20h16 o espetáculo. "Draw the Line" (de 1977, do álbum homônimo) deu início ao repertório da banda, que desta vez estava mais carregado de clássicos do que na última performance da banda por aqui, em 30 de maio de 2010. Logo depois da primeira música, um fã gritou para todo mundo ouvir "Chupa, Axl Rose", em referência ao show do Guns N' Roses realizado no início deste mês, no Rock In Rio, com um Axl já velho e quase sem voz.
"Same Old Song and Dance" (1974) e "Mama Kin" (1973) foram bem recebidas pelos fãs, seguida de "Janie's Got a Gun" (1989), com o público cantando a letra toda junto com Tyler. Mas um dos momentos mais memoráveis foi quando o cantor começou, à capela, "What It Takes" (1989). De repente, por alguns instantes, ele parou e deixou que apenas as pessoas cantassem, transformando o Anhembi num imenso coral.

Os hits foram selecionados preciosamente: de “Cryin” (1993) a "Love in an Elevator" (1989) e até "Angel" (1987), que foi pedida em coro pelo público e atendida imediatamente. Para fechar, um cover: o blues de 1951 "Train Kept A-Rollin'". Os solos foram comedidos para não cansar o niguém. O guitarrista Joe Perry -- acompanhado com a guitarra base de Brad Whitford-- mostrou todo o seu vistuosismo; o baixista Tom Hamilton deu suas dedilhadas antes de tocar "Sweet Emotion"; já o baterista Joey Kramer tocou até com as mãos, sem baquetas.

Tyler pulou e cantou durante as 2 horas de show, não trocou uma única vez de roupa, tocou bateria, dançou com uma boneca inflável atirada no palco pelos fãs e não deixou que a idade -- e até mesmo os machucados provenientes da queda ocorrida no Paraguai-- lhe tirassem nem um grama de energia e simpatia. Afinal, ser um "rock star" lindo e magro, e com a mesma potência vocal dos anos 90, é para poucos.

SET LIST AEROSMITH

Draw the Line
Same Old Song and Dance
Mama Kin
Janie's Got a Gun
Livin' on the Edge
Rag Doll
Amazing
What it Takes
Last Child
Combination (música cantada por Joe Perry, com Tyler de backing vocal)
I Don't Want to Miss a Thing
Cryin'
Sweet Emotion

Bis
Dream On
Love in an Elevator
Walk this Way
Angel
Train Kept A-Rollin

0 comentários:

<< mais lidas

© Copyright - Diário do Rock - Headbangers Blog! - Todos os direitos reservados
anthony@diariodorock.com.br