www.diariodorock.com.br: Agenda\\ Symfonia anuncia shows no Brasil
"Satan laughs as you eternally rot!"

17 de jun de 2011

Agenda\\ Symfonia anuncia shows no Brasil


Cream, Asia, Crosby Stills Nash & Young, ELP, Audioslave, Chickenfoot. A história do rock está recheada dos chamados ‘supergrupos’. No metal, com exceção de alguns poucos nomes como o SOD, Down, Lock Up e Bloodbath, a incidência dos supergrupos não é tão grande assim.


Eis então que surge o Symfonia. Formada por integrantes do Stratovarius, Angra, Helloween e Sonata Arctica, a banda não chega apenas para preencher uma lacuna, mas para ser o primeiro supergrupo de heavy metal melódico da história!

O Symfonia foi concebido a partir do encontro de cinco grandes músicos que atualmente residem na Escandinávia: Timo Tolkki (ex-Stratovarius), Andre Matos (ex-Angra/Shaman), Uli Kusch (ex-Helloween), Jari Kainulainen (ex-Stratovarius) e Mikko Härkin (ex-Sonata Artica).


Honrando a herança de suas bandas anteriores, o Symfonia dá continuidade a tradição de fazer heavy metal melódico de altíssimo nível com uma musicalidade impecável.

O primeiro registro da carreira desse supergrupo é o álbum In Paradisum. Gravado na Finlândia e na Suécia e mixado e masterizado na Itália, In Paradisum foi produzido pelo próprio Timo Tolkki. São ao todo 10 faixas que reúnem todos os principais ingredientes do metal europeu, além do tempero latino adicionado por Andre Matos.

In Paradisum foi lançado na Europa no dia 01 de Abril pela Edel Germany GmbH. O álbum também saiu nos Estados Unidos no dia 19 de Abril pela Armoury Records. In Paradisum agora chega ao Brasil pela HELLION RECORDS.

A estréia do SYMFONIA nos palcos aconteceu no dia 18 de fevereiro durante a Finnish Metal Expo, em Helsinki, na Finlândia. O quinteto apresentou pela primeira vez aos fãs faixas como “Fields Of Avalon”, “Come By The Hills”, “Rhapsody In Black”, “Pilgrim Road” e “Forevermore”. Não faltaram também clássicos do Stratovarius e Angra.

Na época, Uli Kusch se recuperava de uma lesão nos nervos da mão esquerda e não pôde se apresentar com a banda. Substituindo-o temporariamente nos shows esteve o baterista alemão Alex Landenburg (At Vance, Annihilator). A má notícia é que o problema na mão de Uli é mesmo grave e o músico terá que ficar afastado da música durante algum tempo. O Symfonia decidiu então pelo afastamento definitivo de Uli Kush.
"É uma decisão dolorosa para todos nós, mas depois que Uli nos disse que o melhor seria continuarmos sem ele e não esperá-lo mais devido ao futuro incerto com a sua mão, nós decidimos fazer isso. E a verdade é que nós simplesmente não podemos esperar mais.", diz trecho de uma carta oficial que a banda emitiu sobre o assunto.

Com Alex Landenburg como baterista substituto, o Symfonia fará um show em Helsinki na Finlândia dia 06 de Julho e outro no Sonisphere Festival na França dia 08. Também foi anunciada a primeira turnê brasileira do Symfonia com seis shows. A banda toca nos dias 30/07 no Festival Porão do Rock em Brasília/DF, 31/07 no Citibank Hall em São Paulo/SP, 02/08 no Bar Opinião em Porto Alegre/RS, 05/08 em Teresina/PI, 06/08 em São Luis/MA e 07/08 na Fundição Progresso no Rio de Janeiro/RJ.

Após esses shows o grupo volta aos estúdios para gravar seu segundo álbum com previsão de lançamento para Março de 2012.

Mais Informações:
www.hellion.com.br
www.twitter.com/hellionrecords
www.myspace.com/hellionrecords
www.facebook.com/home.php#!/HellionRecordsBrazil
http://www.symfonia.fi
http://www.youtube.com/user/symfoniamusic
http://twitter.com/symfoniamusic
http://www.facebook.com/pagse/symfoniaofficial
http://www.simfoniablog.blogspot.com
http://www.myspace.com/symfoniamusic

0 comentários:

<< mais lidas

© Copyright - Diário do Rock - Headbangers Blog! - Todos os direitos reservados
anthony@diariodorock.com.br